Iguaba Grande - RJ
  Home | Eventos | Horários | Contato | Localização | História
INSENSIBILIDADE HUMANA
Abro parênteses nesta coluna para falar um pouquinho da natureza.
Existe coisa mais bela no mundo? O nascer do sol, o sol se escondendo num final de tarde pos trás das nuvens, o mar, a cachoeira, o verde da mata, o azul do céu numa noite estrelada.

Pois é minha gente, mas o que eu estou vendo ultimamente em nossa bela Região dos Lagos é um descaso muito grande com a natureza, o desmatamento é visível em todos os Municípios de nossa região, em São Pedro da Aldeia por exemplo, a entrada da cidade mas parece o Deserto do Saara, alargaram a faixa de areia, arrancaram todas as árvores que ali estavam, algumas delas a mais de cem anos e no lugar das árvores uma imensa calçada de cimento e muita, muita areia...

Onde vamos parar com tanto desmatamento, onde queremos chegar com tanto descaso com a natureza, com o eco-sistema que tanto nos beneficia; derrubam árvores para construir Igrejas, derrubam árvores para construir casas, derrubam árvores para construir edifícios, derrubam árvores para construir postos de casolina e por aí vai.

Em Iguaba Grande o mais recente assassinato, foi contra uma árvore linda na esquina da Rua Francisco Silveira de Melo com a Rodovia Amaral Peixoto, uma árvore que foi plantada a mais de cento e cinquenta anos e foi assassinada em menos de dez minutos por pessoas que simplismente olham para a natureza e dela não conseguem tirar nada.

Insensibilidade minha gente, pura insensibilidade, quantas coisas boas as árvores desse planeta nos dão, a qualidade do ar que respiramos é uma delas e outras coisas mais.

Tenho uma amiga que conversa com suas plantas em sua residência e uma delas se move quando é tocada por ela, será que é tão difícil respeitar a natureza em sua essência, acho sinceramente que está muito difícil de se conversar é com o homem de uma forma geral. Será que podemos reclamar das mudanças climáticas que vêem acontecendo ultimamente, assassinando árvores, despejando agrotóxicos em nossa terra, pescando de uma forma predatória, poluindo nossas praias, nossos rios, a nossa "Laguna"?

Vamos parar um pouco, vamos pisar no freio, enquanto é tempo, enquanto há tempo; as nossas atitudes terão uma resposta um dia, a natureza já está se rebelando contra nós e se rebelará de uma forma muito mais radical, com ela, estamos brincando, estamos maltratando-a de todas as maneiras e a resposta vai vir, podem esperar, por mais que a natureza seja forte, por mais recursos naturais que ela tenha, as coisas estão caminhando para um ponto irreversível em todos os âmbitos.

Peço quase que de joelhos dobrados ao chão que as autoridades locais intervenham contra essas pessoas inescrupulosas que não estão nem aí para o meio ambiente, vêm para nossa região sujam, depredam e vão embora sorrindo como se nada tivesse acontecido.

Quando estamos doentes, não procuramos a Medicina, para nos curar? Se a árvore estava doente, porque não procurar meios, na Agricultura, para cura-la, não, simplesmente fizeram uma eutanázia, é bem mais simples, matar, abortar, assassinar, é o caminho que a humanidade prefere tomar,até quando essas pessoas vão continuar cometendo esses crimes sem que nada seja feito em defesa do eco-sistema.

Vocês já pararam para pensar ou já procuraram saber da quantidade de plantas e de pássaros que habitavam em nossas áreas e hoje desapareceram, só com a simples construção de uma Rodovia, que corta três Municípios de nossa Região.

Procurem pesquisar ou simplesmente perguntem para Biólogos que vocês terão uma resposta que vai deixa-los de cabelo em pé.

Uma obra que trouxe benefícios para o trânsito, porém cortando o ciclo de vida de várias espécies animais e vegetais.
Vamos acordar em quanto é tempo!
  Voltar
   
Parceiros |||||||||||||||
 
  NATAÇÃO ALLA © - 2010.

Tel.: (22) 2634-0239 (22) 9925-8127