Iguaba Grande - RJ
  Home | Eventos | Horários | Contato | Localização | História

Travessia da Independência

A Travessia da Independência, foi idealizada, por Alvaro Ribeiro Alla no ano de 1992, quando Iguaba Grande ainda era Distrito de São Pedro da Aldeia. A Família Alla, apresentou ao então Prefeito de São Pedro da Aldeia, Dr Rodolfo Pedrosa essa idéia trazida do Rio de Janeiro, onde algumas provas de águas abertas já aconteciam desde 1980. A idéia rapidamente foi aceita e realizamos a primeira Travessia da Independência no ano de 1993 em São Pedro da Aldeia que foi também a primeira prova de Águas Abertas, hoje Maratona Aquática (Esporte Olímpico), a ser realizada na Região dos Lagos, na Praia do centro, de São Pedro da Aldeia, com um número de atletas considerável, foram mais de 150 ao todo. As provas de Maratonas Aquáticas envolvem atletas federados e não federados, por isso tiveram uma rejeição inicial de todas as Federações e também de nossa Confederação (CBDA), ou seja, para esses órgãos, as Travessias, não representavam, ou, não davam o lucro com mensalidades e anuidades que dão até hoje, nas competições de piscina, pois, o atleta federado em piscina, paga anuidade e paga por prova disputada, inclusive os revezamentos, ao contrário da Maratona Aquática, onde o atleta paga uma pequena taxa de inscrição e vai para a prova...

É exigido também dos atletas que eles assinem um termo de responsabilidade, pois em alguns casos nadamos a mais de 2 km da costa, sendo assim, um esporte, considerado de risco... Com toda a segurança apresentada, como o apoio do GMAR, da Capitania dos Portos, de lanchas de apoio (lentas e rápidas) de caiaques, de pranchões; mesmo com todo esse aparato de segurança, às vezes, surgem situações delicadas dentro da água, como as que aconteceram em Rio das Ostras no mês passado, onde alguns atletas reclamaram de falta de segurança, mas que no fundo o que faltou mesmo, foi a auto segurança de alguns desses atletas que não foram preparados, principalmente na parte psicológica, para uma prova de longa distância.

Bom, voltando para a Travessia da Independência, ficamos três anos em São pedro da Aldeia, no segundo ano fizemos a prova na Praia do Sudoeste e no terceiro ano na Praia da Pitória... A quarta edição, já foi realizada em Iguaba Grande, berço da Família Alla; trouxemos para o nosso Município com o aval do então Prefeito de São Pedro da Aldeia, Rodolfo Pedrosa. Em 1996, então, já em Iguaba Grande a quarta Travessia da Independência, foi realizada na Praia da Caieira e depois de alguns anos transferida para a praia dos Ubás, pois, o vento predominante nesta época do ano é o vento Nordeste e o mesmo, deixa a lagoa em boas condições para o nado, na Praia dos Ubás...

A Travessia da Independência também foi a primeira prova da nossa Região a fazer parte do calendário de um Circuito Estadual que na época, não era oficial, pois, não tínhamos um órgão oficial que avalizasse esse Circuito, todos sabiam que era um Estadual de Maratonas Aquáticas, porém, não oficial... Em 1997 A FARJ (Federação Aquática do Rio de Janeiro), deu todo o apoio, a nós Profissionais de Educação Física e entrou dentro do circuito, dando um suporte, pelo menos inicial para que pudéssemos, divulgar o mesmo, como Circuito Estadual...E em 1998 foi fundada a FABERJ, (Fazendo Águas Abertas no Estado do Rio de Janeiro), um órgão fundado por Profissionais de Educação Física de Rio das Ostras, Cabo Frio, Macaé, Iguaba Grande, Saquarema, entre outros Municípios de nossa Região e passamos a colocar para os atletas o Circuito Estadual de Maratonas Aquáticas oficialmente, avalizado por um órgão de nossa Região, também oficial... Já estamos no décimo quarto Circuito e temos o orgulho de dizer que começamos à quatorze anos atrás, com muita luta e determinação para que pudéssemos chegar onde estamos, hoje, ou seja, com um Circuito que dito por atletas Olímpicos, como Luis Lima (atleta Olímpico) , Natália Yakovleva (atleta Russa com duas Olimpíadas em seu currículo), Djan Madruga (Um expoente na natação Brasileira e também atleta Olímpico), Sandra Soldan (atleta Olímpica de Natação e Triathlon), Monique Ferreira (também atleta Olímpica do nosso revezamento 4 x 100), dentre outros, como um dos mais bonitos, bem organizado e seguro, Circuito de Maratonas Aquáticas do Brasil. Em 2010, chegamos a bater o recorde de 11 provas no ano, mas esse número foi reduzido em 2011, pois os próprios atletas, pediram em função do calendário de piscina e do próprio Circuito Brasileiro, que diminuíssemos o número de provas, o que foi feito neste ano de 2011. A Equipe que detém o maior número de títulos dessa prova é o Botafogo de Futebol e Regatas com seis títulos e a Natação Alla de Iguaba Grande, também figura nesse cenário, com um bi-campeonato em 2003-2004. Realizamos a décima oitava edição desse maravilhosa prova em 11 / 09 / 2011 e a equipe da Dejamo/Esquadra, se sagrou campeã por equipe e também como equipe que mais inscreveu atletas na prova, ganhando assim dois troféus, um no critério técnico e outro de Honra ao Mérito como maior equipe dessa edição da prova...

A Natação Alla, desde já, se coloca ao inteiro dispor de todos, e aproveitando a oportunidade, queremos mandar por meio desta, um beijo no coração do eterno mestre Carlos Pernambuco amigo que ficará eternamente em nossas memórias como exemplo de ser humano e de Grande Mestre.

Os nossos agradecimentos aos Prefeitos que passaram por Iguaba Grande e que deram totais condições para que pudéssemos realizar ao longo desses dezoito anos essa conceituada prova de Maratona Aquática, Rodolfo Pedrosa (São Pedro da Aldeia e Iguaba Grande) , Hugo Canellas e Oscar Magalhães. Os nossos agradecimentos ao Supermercados Só Ofertas a Pro-Lagos ao Deputado Estadual Miguel Jeovani (Patrocinador da Natação Alla), Zanoello empresa fabricante de troféus e medalhas.

Voltar
 
Parceiros |||||||||||||||
 
   
  NATAÇÃO ALLA © - 2010.

Tel.: (22) 2634-0239 (22) 9925-8127